Periodontite do Adulto

IMAGENS

Características Gerais

Resultado da extensão do processo inflamatório iniciado na gengiva (gengivite) às estruturas de suporte do dente.

Etiologia multifatorial.

Características Clínicas

Sangramento gengival, exsudatos purulentos, reabsorção da crista alveolar, mobilidade dental.

Testes clínicos sugestivos: sondagem periodontal, índice de sangramento gengival e grau de mobilidade dental.

Características Radiográficas

- LEVE: reabsorção localizada da crista óssea alveolar (2-4 mm), com imagem arredondada e bordo difuso.

- MODERADA: perdas ósseas horizontais generalizadas (4-7 mm) ou defeitos verticais localizados (lesão de furca moderada).

- AVANÇADA: perda óssea extensa, envolvimento das furcas.

Seqüência de alterações radiográficas

Esfumaçamento e quebra da continuidade da lâmina dura.

Forma-se área radiolúcida em forma de cunha nas áreas mesial e distal da cripta do septo ósseo.

Processo destrutivo que se estende para crista e a altura é reduzida progressivamente.

CARRANZA, F.A.; NEWMAN, M. Periodontia Clínica.8ª ed. Guanabara Koogan: Rio de Janeiro, 1997.

Diagnóstico Diferencial

Carcinoma gengival - A reabsorção óssea é irregular e difusa (sem envolvimento osteoesclerótico). Podem ser encontrados sequestros ósseos.

Tratamento

Bolsas rasas - raspagem;

Doença periodontal moderada e severa na região anterior - raspagem pelo fator estético, exceto quando o paciente receberá tratamento protético;

Doença periodontal moderada e severa no segmento posterior - raspagem inicial e, se não resolver, cirurgia;

É importante fazer-se a diferenciação entre doença periodontal tratada e não- tratada;

As alterações radiograficamente detectáveis no contorno periférico dos septos são evidências corroboradas de doença periodontal destrutiva, embora o exame clínico é fator determinante básico.

CARRANZA, F.A.; NEWMAN, M. Periodontia Clínica.8ª ed. Guanabara Koogan: Rio de Janeiro, 1997.