Cisto de Retenção Mucoso

IMAGENS

Características gerais

É conseqüência comum da hiperplasia ou inflamação da mucosa de revestimento do seio. A inflamação, causada por infecção ou alergia, provoca a obstrução dos ductos das glândulas seromucosas, desencadeando o acúmulo de secreção.

O cisto é revestido por epitélio respiratório ou por um epitélio displásico pavimentoso simples, cúbico ou escamoso. O líquido do cisto é espesso, viscoso, branco ou translúcido. Localizam-se mais comumente no seio maxilar, ainda que possam ser encontrados nos seios frontais ou esfenoidais.

Características clínicas

Maior incidência na terceira década de vida e é duas vezes mais freqüente nos homens que nas mulheres.

São geralmente assintomáticos. Provavelmente menos de 10% dos indivíduos experimentam dor e hipersensibilidade nos dentes e na face. Alguns pacientes relatam obstrução, gotejamento pós-nasal, cefaléia, sintomas de resfriado e, às vezes, entumescimento do lábio superior.

Características radiográficas

Imagens parciais podem aparecer em projeções periapicais posteriores dos maxilares, no entanto, são mais bem visualizadas nas panorâmicas;

Podem ser bilaterais, mas são geralmente unilaterais;

Opacificação em forma de gomo, de bordas suaves, com radiopacidades leves, sem margens escleróticas;

Podem projetar-se desde o soalho do seio até as paredes laterais;

Base estreita: cisto seroso;

Base ampla: cisto mucoso;

Seio aparece normal quando não há sinusite simultânea;

O tamanho varia desde a ponta de um dedo até ocupar todo o seio;

Quando o cisto atinge o seio, provoca um turvamento uniforme semelhante a uma sinusite leve.

Diagnóstico diferencial

- Queratocistos;

- Cistos dentígeros;

- Pólipos sinusais;

- Sinusite leve.

Tratamento

Normalmente não necessitam de tratamento, pois se resolvem espontaneamente.

Considerar intervenção cirúrgica quando existir evidência de dor persistente, cefaléia ou expansão.